Você sabe como aprender terminologia de enfermagem? Aprenda de maneira extremamente simples e altamente didática como aprender terminologia de enfermagem através do Portal Como Aprender.

Como aprender terminologia de enfermagem

A classificação da terminologia de enfermagem nos permite expressar o conhecimento de enfermagem de uma maneira que possa ser compartilhada entre disciplinas e ambientes de atendimento.

Como aprender terminologia de enfermagem

Como aprender terminologia de enfermagem

Por fim, auxilia na avaliação da efetividade e qualidade dos cuidados e intervenções de enfermagem prestados aos pacientes. O uso da classificação permite obter todos os elementos contextuais do processo de assistência de enfermagem e documentar a assistência de enfermagem prestada aos pacientes.

A documentação dessa maneira permite determinar quais intervenções são mais eficazes que outras, a fim de alcançar determinados resultados de enfermagem. É um processo crítico que leva à melhoria da qualidade e eficiência do trabalho de enfermagem e ao aumento do profissionalismo e responsabilidade da enfermagem.

A padronização da terminologia nos registros eletrônicos de saúde fornece benefícios ao paciente, à organização e à profissão de enfermagem.

Os pacientes se beneficiam da continuidade do atendimento por meio de uma melhor comunicação entre médicos e organizações, sendo capazes de medir o cuidado de enfermagem e seu impacto no atendimento ao paciente.

Padronização

Os esforços de padronização em enfermagem têm sido um processo contínuo desde a década de 1970, desencadeado pela necessidade de desenvolver um meio de documentar as práticas de enfermagem.

Como aprender terminologia de enfermagem

Como aprender terminologia de enfermagem

A necessidade de uma linguagem uniforme em enfermagem, com a evolução do uso do EHR, a fim de integrar conceitos de enfermagem a sistemas de computador, levou ao desenvolvimento de uma variedade de terminologias diferentes para apoiar diferentes finalidades e necessidades.

É um processo exigente que requer conhecimento metodológico e tecnológico substancial, além de experiência cultural no trabalho de desenvolvimento terminológico.

O Diagnóstico de Enfermagem da América do Norte (NANDA) tem sido uma força motriz no desenvolvimento de classificações de diagnóstico em enfermagem para apoiar o julgamento clínico e o desenvolvimento do conhecimento. É internacionalmente a classificação mais amplamente implementada dos diagnósticos de enfermagem.

Os diagnósticos da NANDA são usados ​​para identificar respostas humanas a riscos, lesões ou promoção da saúde. Os enfermeiros usam um processo de pensamento crítico para diagnosticar essas respostas humanas.

A NANDA evoluiu de uma listagem alfabética em meados da década de 1970 para um sistema conceitual que orienta a classificação dos diagnósticos de enfermagem em uma taxonomia com três níveis.

A Classificação de Intervenções de Enfermagem (NIC) é um conjunto abrangente de intervenções de enfermagem baseadas em pesquisas realizadas pelos enfermeiros.

A NIC facilita a análise do impacto das atividades nos resultados dos pacientes. É composto por sete domínios em enfermagem. Para dar suporte à implementação mundial, ela foi traduzida para vários idiomas.

As intervenções da NIC são usadas na implementação do EHR de planos de cuidados, caminhos críticos, educação do paciente e conjuntos de dados para a avaliação do atendimento no nível individual ou da unidade.

O uso da Classificação de Resultados de Enfermagem (NOC) permite que os enfermeiros avaliem a eficácia das intervenções e determinem os resultados dos cuidados que prestam aos pacientes. O NOC também foi traduzido para vários idiomas para dar suporte à implementação mundial.

O Sistema de Classificação de Cuidados Clínicos (CCC) é uma terminologia de enfermagem padronizada e codificada que identifica os elementos separados da prática de enfermagem.

O CCC oferece uma estrutura única e uma estrutura de codificação para documentar o plano de cuidados após o processo de enfermagem em todas as configurações de cuidados de saúde.

Ele também possui uma nova ferramenta da Web compatível com dispositivos móveis, disponível como um site compatível com dispositivos móveis, visível em qualquer dispositivo móvel ou telefone inteligente.

É uma terminologia codificada padronizada, projetada para avaliar, documentar e classificar a prática de enfermagem no Registro Eletrônico de Saúde.

Ele foi projetado para processamento eletrônico e interoperabilidade de dados e informações de enfermagem e serviços de saúde relacionados a outros sistemas.

Como aprender terminologia de enfermagem – Como Ensinar

Ensino da terminologia de enfermagem: os estudos de linguagem padronizada não se concentraram na perspectiva dos estudantes de enfermagem, que são nossos futuros enfermeiros.

O uso de linguagem padronizada promove a tomada de decisão dos estudantes de enfermagem, dentro de sua prática clínica, possibilitando o pensamento crítico e os ajuda a descrever o atendimento ao paciente.

O uso competente da linguagem padronizada pelos estudantes de enfermagem os torna mais capazes de se adaptarem a um sistema computadorizado de registros de pacientes e facilitará a transição de futuros graduados para o sistema de RSE nos ambientes de saúde.

O uso de intervenções padronizadas de enfermagem em enfermagem em Israel tem sido mais utilizado como estratégia educacional para fortalecer o pensamento crítico e analítico dos estudantes.

Um dos problemas dos estudantes de enfermagem é a aplicação de conceitos teóricos de enfermagem na prática clínica.

Os estudantes de enfermagem em Israel devem criar um programa de tratamento de pacientes baseado em terminologia padronizada de enfermagem; no entanto, não existe um livro de hebraico da terminologia de enfermagem e os estudantes de enfermagem têm dificuldades em entender o idioma inglês, pois esse não é o idioma materno.

Tudo o que foi dito acima dificulta o alcance do objetivo de construir um programa de tratamento de pacientes.

O principal objetivo deste estudo foi promover o uso da terminologia de enfermagem entre nossos estudantes de enfermagem em Israel.

Os autores queriam atingir esse objetivo planejando um projeto que incentivasse os estudantes de enfermagem em todas as etapas de sua experiência clínica a usar a classificação de enfermagem nos diferentes locais clínicos.

A principal questão de pesquisa para alcançar o objetivo acima foi: Quais são as melhores ferramentas que podem ajudar os alunos a promover e implementar o conhecimento da classificação de enfermagem?